INCENSO & ADORAÇÃO

27/02/2014

"E veio outro anjo, e pôs-se junto ao altar, tendo um incensário de ouro; e foi-lhe dado muito incenso, para oferecer junto com as orações de todos os santos sobre o Altar de ouro, que está diante do Trono. E a fumaça do incenso subiu com as orações dos santos desde a mão do anjo até diante de Deus. E o anjo tomou o incensário, e o encheu do fogo do altar, e o lançou sobre a terra; e houve depois vozes, e trovões, e relâmpagos e terremotos." Ap. 8:3-5

 

Numa visão celestial, o Apóstolo João, vê o Altar de Ouro (O Altar do Incenso), reproduzido por Moisés no Tabernáculo, de onde muito incenso é queimado, e esta fumaça produzida torna-se o condutor das orações que sobem até O Pai. O Incensário usado para transportar o incenso depois de esvaziado é cheio de brasas do Altar de Deus, e então é lançado na Terra como resposta das orações.

 

Todo o rito, todas as sombras do Antigo Testamento, ganham cores e entendimento, através de Jesus Cristo, O Autor e Consumador da nossa Fé.

Hoje nós somos membros de um Reino Sacerdotal, somos chamados, para fazer em espírito e em verdade, o que outrora, nos rudimentos da fé, era feito como símbolos do que haveria de vir.

 

Inúmeras vezes nas Escrituras percebemos a Manifestação da Presença de Deus se dar em meio à Nuvem de Glória a ANAN HAKAVOD ou a ANAN KODESH (Nuvem Santa).

 

Jesus quando é transfigurado diante de seus discípulos, é envolto numa Nuvem; Ele volta aos Céus e é envolto numa nuvem, nesta hora dois anjos disseram aos quase 500 que assistiram sua assenção: "Assim como o viram subir, certamente Ele voltará", ou seja: EM GLÓRIA! 

 

Cada vez que o Sumo Sacerdote, ia além do Véu, na Santidade das Santidades, levava consigo o incensário, e oferecia muito incenso ali, até que o homem desaparecia no Santo dos Santos, ante a fumaça da Adoração, e então O Sumo Sacerdote, aspergia o Sangue do Holocausto, sobre a Tampa do Propiciatório, entre os querubins, e O NOME do Eterno era invocado... sabemos: Todo aquele que invocar O Nome do Eterno será salvo!

 

 

O Incenso

 

"Disse mais o Senhor a Moisés: Toma especiarias aromáticas, estoraque, e onicha, e gálbano; estas especiarias aromáticas e o incenso puro, em igual proporção; E disto farás incenso, um perfume segundo a arte do perfumista, temperado, puro e santo; E uma parte dele moerás, e porás diante do testemunho, na tenda da congregação, onde eu virei a ti; coisa santíssima vos será. Porém o incenso que fareis conforme essa composição, não o fareis para vós mesmos; santo será para o Senhor.O homem que fizer tal como este para cheirar, será extirpado do seu povo." Êx. 30:34-38

 

A Palava Incenso em hebraico é LAVAN (branco, puro); e o Lavan (Incenso puro), é adquirido da resina de uma árvore. Os outros elementos citados, são na verdade composição de outros 10 elementos, que com o Lavan, totalizam 11 elementos usados para fazer O Incenso. 

 

Outra característica muito curiosa é que dos elementos todos, um há cujo odor é muito ruim, mas, misturado aos demais, não é percebido. Outra ainda: Quando o incenso era feito da maneira correta, ao ser queimado, produzia uma fumaça, que subia como uma coluna. Se enventualmetne algo de errado tivesse ocorrido durante a preparação do mesmo, a fumaça acabava se desmanchando... Não subia.

 

O fogo usado para acender o Altar de Ouro, (Altar do Incenso), bem como a Menorah, tinha que ser aceso, no Altar do Sacrifício, que fala da Cruz do Calvário. O Altar, onde os sacrifícios eram feitos diante do nosso Deus, para remissão dos pecados.

 

Certa ocasião, os filhos de Arão, Nadabe e Abiú, que outrora comeram diante de Deus, e viram O Seu Trono; foram mortos fulminados, porque levaram Fogo Estranho, e não O Fogo Santo, aceso no Altar dos Sacrifícios.

 

Do que se tratam todas estas histórias, como compreender algo de valor nisto para nossos dias, e de que maneira podemos agradar a Deus, hoje, estudando sobre estas coisas?

 

Chamados como Sacerdotes hoje, não estamos atrás das vestes ou das regras, mas, por amor queremos dar ao Nosso Deus, a Adoração que transborda de nossos corações... 

 

No Altar de Ouro, não se podia fazer sacrifícios, e ele fala por isso, da época que vivemos, que nenhum outro sacrifício mais é requerido, pois Jesus Cristo de Nazaré, O Cordeiro de Deus, que tirou o pecado do mundo, de uma vez por todas, ofereceu O Sacrifício Perfeito diante do Nosso Deus e Pai - Sua própria Vida. O Único Sacrifício que nos cabe hoje é: O SACRIFÍCIO DE LOUVOR, fruto dos lábios que confessam O Seu Maravilhoso Nome! Aleluia!

 

É necessário frisar que se não houver uma marca da Cruz. Se o encontro com a Cruz do Calvário não se deu, não foi verdadeiro... A tentativa de se adorar a Deus, de se queimar incenso A Ele, pode levar à Morte! Em outras Palavras: Sem Cruz, Sem Adoração! Sem Cruz, sem Relacionamento com Deus; Sem Cruz, a adoração é uma afronta que fará do adorador uma vítima, pois ele não quis entregar-se a si mesmo, o salário de seu pecado, a qualquer momento, pode lhe ser antecipado.

 

O Perfumista, é O Espírito Santo, a gerar em nós Verdadeiros Adoradores do Pai. 

Os elementos, Ah com que elementos vamos adorar O Nosso Deus hoje? Podemos com tanta clareza ver através da música instrumental, com instrumentos de cordas, de sopro, percussão, teclados, instrumentos melodiosos e ritmicos... 

A música cantada com os variados tipos de vozes, desde os tenores, até os baixos, das afinadas vozes, até aqueles que invariavelmetne vão desafinar, lembrando que um dos elementos do Incenso, tinha um odor desagradável... Mas, ali tudo junto.... SOBE!

As danças, com váriados gestos, e ritmos e panos e adereços, e bandeiras... tudo junto pra Ele...

 

Todos estes elementos precisam (COMO DIZ A FÓRMULA), serem em partes iguais, reduzidos a pó. Não há que haver um destaque entre todos. Quando Deus, se atrai pela adoração de um povo, não creio que Ele vê, alguém em destaque que faça um solo de guitarra, ou um solo vocal, ou mesmo uma performance de danças, mas, Deus vê, se a Igreja reunida, está ou não está adorando. Se os anciãos, que tem dificuldade com os ruídos muito altos, e as crianças, que facilmente perdem a concentração estão ou não estão adorando... Tudo em partes iguais, e reduzido a pó.

 

Todos estes elementos precisavam ser juntados ao INCENSO (LAVAN). Depois de tudo feito, o resultado era: LAVAN

 

Foram juntados tantos elementos, ao Lavan, para se fazer LAVAN.

 

Em outras palavras: Não importa que vozes, que instrumentos, que gestos e danças, que possamos incluir na nossa adoração. Tudo isso tem que ser misturado À SANTIDADE! Porque no final, Deus só quer saber de uma coisa: É LAVAN OU NÃO? É INCENSO OU NÃO? É PURO OU NÃO?

 

Ainda uma última advertência: Quem fizer incenso para si mesmo... MORRE!

O incenso não é para o Adorador... É para Deus! 

 

Neste período de Carnaval em nossa nação, vemos tantas milhares de pessoas, se preparando, gastando rios de dinheiro. A cada ano a mais esmero, pelos carros alegóricos, pelas fantasias, pelo luxo nas apresentações. O que estão fazendo? Não haja qualquer dúvida! Estão prestando Culto, e levantando ofertas, e verdadeiros sacrifícios, para cultuar o deus deste século.

 

Há no entanto um convite feito a cada um de nós: 

 

Vamos juntar nossas vozes; Vamos juntar nossos músicos e seus instrumentos; Vamos juntar nossos dançarinos e seus adereços... Vamos santificar nossos corações e não apenas as nossas vestes; Vamos perdoar e nos arrepender de nossos erros... Vamos juntar Pureza e Santidade a todo tipo de elemento com o qual acreditamos que possamos adorar a Deus. Não vamos fazer para nós... Não vamos tocar músicas para nos distrair, ou para atrair as pessoas... Vamos tocar, juntos, todos juntos para ATRAIR A ELE!

 

Vamos fazer fumaça juntos... Muita fumaça! Vamos encher esta nação da FUMAÇA DA NOSSA ADORAÇÃO EM SANTIDADE! E vamos crer que como outrora, Quando o homem desaparecer. Quando os excelentes músicos e cantores, simplesmente estiverem misturados e confundidos com os anciãos e com as crianças.... ELE SE MANIFESTARÁ! Sua Glória brilhará sobre nós! 

 

Nossa adoração será o condutor para nosso clamor, nossas angústias, nossas necessidades... Quem de nós não as têm? A fórmula pra se obter resposta para elas está na Bíblia, vamos enviá-las, junto com o nosso muito incenso... Com a nossa Adoração... Com o fruto dos nossos lábios dizendo: JESUS! JESUS! JESUS! JESUS! JESUS! JESUS! JESUS! JESUS! JESUS......

 

SANTA CONVOCAÇÃO PARA ADORAÇÃO 2014

 

Vamos queimar muito incenso!

Nossas orações subirão! A resposta do Trono virá sobre nós no Tamanho do Incensário que escolhermos para dar a Deus!

No Brasil, neste ano de Eleições, nesta época de tanta comoção social se ouvirá: Vozes, Trovões, Relâmpagos e Terremotos.

 

Santos do Eterno, alegrem-se no Eterno, outra vez voz digo: ALEGREM-SE!

 

 

Paulo de Tarso, Apóstolo

Igreja Apostólcia Betlehem

 

 

 

Please reload

Destaques

Da Apatia para o Zelo - O CAMINHO DA RESTAURAÇÃO

1/5
Please reload

Posts mais recentes

August 16, 2018

March 18, 2018

Please reload

Pesquisa por Tags
Siga-nos
  • Facebook Classic
  • Twitter Classic
  • Google Classic